28 de fevereiro de 2015

Entregue prefeito

Num monólogo triste, enfadonho de quase uma hora, mas que no final terminou com uma gelada, o prefeito de Upanema encerrou sua participação no programa da prefeitura na rádio Liberdade, agora há pouco.

O prefeito me fez ir as lágrimas com a crise, quer dizer, ele disse umas dez crises, que até ele se enrolou com tantas. Deu pena. Se fosse eu, entregava a prefeitura. Entregue prefeito. 

Falou do Piso. Disse que vai ter uma conversa com os professores. Pelo que entendi, os professores são muito insensíveis e ficam inventando de fazer parada com o município quebrado. Lamentável. Tenham pena do bichinho rapaz. Com Maristela alguns não tiveram, com ele é diferente. Pelo lero do prefeito, se eu fosse professor eu ia dar era uma ajuda a ele. Tadinho.

Ele disse também que o centro cirúrgico tão prometido, vai ser revisto, pois ele DESCOBRIU que é caro para manter o mesmo. Kkkkkkkkk. Foi a parte engraçada do monólogo. Ô prefeito engraçado.


No final, o prefeito disse que ia tomar uma gelada depois do programa. Ninguém é de ferro né?!

27 de fevereiro de 2015

Inversão de valores

O caso dos ônibus da prefeitura multados e até apreendido ontem, pela Polícia Rodoviária Federal é um exemplo claro de que vivemos um momento de inversão de valores em nossa sociedade brasileira.

Primeiro vamos polemizar e dizer que muitos que hoje estão criticando uma suposta denúncia, apoiava as mesmas denúncias na gestão anterior, basta puxar nos arquivos dos blogs. Antigamente, rolava um boato de que quem fazia as denúncias era a Associação dos Alunos. Hoje, eles continuam suspeitos de denunciarem os erros? Cadê a coerência meu povo? Se tava errado naquele tempo, hoje não tá mais? Que história é essa?

Dito isso, vamos ao que interessa.

O caso de ontem, é reflexo do que aconteceu antes de ontem, não tenho dúvidas. Um ônibus lotado de alunos teve um pneu estourado após excessivo uso, ou seja, depois de estar carequinha. Parece uma coisa besta. Mas não foi. Não é.

A manutenção básica de um veículo é primordial para segurança do motorista e passageiros. Um ônibus com excesso de passageiros, com pneu careca é uma bomba relógio pronta para explodir a qualquer momento. Não é terrorismo, é a realidade minha gente. Some-se a isso um veículo sem emplacamento. Caso esse veículo se envolva em um acidente, caso tenha vítimas, o seguro DPVAT pagará as despesas médicas dessas vítimas? A resposta é não. O veículo não está emplacado, portanto não existe.

São coisas que o cidadão, que o profissional responsável pelo transporte, que as autoridades, que os pais e principalmente os alunos deviam pensar. Querer jogar os alunos e a população contra a realidade dos fatos, tentar diminuir ou até mesmo tirar completamente a responsabilidade da atual administração, jogar tudo para uma suposta denúncia: isso é inversão de valores. Devemos cobrar é o cumprimento da lei e exigir o mínimo de segurança, isso sim! "Não podemos denunciar algo que coloca em risco dezenas de vidas, porque se não eles podem perder aula". Tá de brincadeira! Não tem cabimento o camarada que defende ou diz que defende a educação, dar corda a uma coisa dessas. É lamentável! Decepcionante!

Queria deixar claro, que isso vale também para os outros veículos da PMU. Se estiverem em situação parecida, os profissionais serão multados também. Não precisa de denúncia, basta uma abordagem de rotina, numa estrada que hoje é BR e que parece que não acordaram pra isso ainda.
Acho que o SINDSERPUP deveria defender a categoria e exigir da prefeitura que assegure o mínimo para que os profissionais não sejam prejudicados.


Termino dizendo que não sou dono da verdade. Que a discordância de pensamento está intrínseco a democracia. Portanto, estamos abertos ao diálogo.

26 de fevereiro de 2015

25 de fevereiro de 2015

Pneu careca de ônibus da PMU estoura e provoca medo em estudantes

Os alunos que vinham de Mossoró no ônibus da Prefeitura há pouco tempo, tiveram um susto, quando se aproximavam da entrada da comunidade de Boa Água. Um pneu careca estourou e causou um medo grande nos estudantes. Graças a Deus foi só um susto. Esperamos que os outros pneus, dos outros veículos também não estejam na situação do que estourou, pois se tiver, é perigo iminente de acidente. 

É com ação e não com enrolação que se consegue as coisas



O blog Upanema News publicou foto do caminhão da empresa B&Q descarregando os postes que serão colocados para atender a demanda de energia dos moradores das casas populares que estavam fechadas.

A empresa B&Q é a mesma que informamos aqui no blog, que viria fazer o serviço. Só estou passando para lembrar que não trabalhamos com achismo ou mentiras.

Queria também agradecer aos vereadores da oposição, ao blogueiros comprometidos com a causa dos moradores, ao nosso amigo Gerinaldo e parabenizar os moradores, que não se abateram diante de tanta enrolação.

Queria também parabenizar você Anax! Eu?

Sim. Eu mesmo!

Valeu.

Prefeito mostra fraqueza para conseguir recursos junto ao Governo Federal

O município de Upanema há muitos anos se destacava como um município que tinha gestores que buscavam recursos em Brasília, que lutavam junto a bancada de deputados e senadores para conseguir emendas para o município e o mais importante, tinha força política para liberar os recursos. 

Hoje, vemos uma administração paralisada pela completa inoperância do seu gestor. Todos conhecemos o momento que as prefeituras do Brasil passam. Também sabemos que em 2009/2010 o mundo enfrentou uma das maiores crises econômicas, que refletiu de forma muito mais dura nas prefeituras, mas na época, quem está na situação hoje, vivia dizendo que o município tinha dinheiro pra tudo.

Na época também tínhamos uma prefeita que se recusou a aceitar o quadro e apenas reclamar. Correu atrás dos seus parlamentares, elaborou projetos e não vinha de Brasília sem boas notícias para o município. Hoje, vemos um prefeito que vai pra Brasília direto. Vai até quando “não tem ninguém lá”, como em dezembro. Diz que vai resolver assuntos que não são bem divulgados.

A diferença de um prefeito de ação para um prefeito sem competência para buscar recursos para o município, os senhores conhecerão através dos números apresentados abaixo:



Os números acima, foram retirados do Portal da Transparência e mostram que a prefeita Maristela, no mesmo período e com uma crise muito superior, conseguiu junto aos parlamentares do estado e junto aos ministérios do Governo Federal, seis milhões de reais a mais que a atual gestão. Outro detalhe. Dos dois milhões de reais adquiridos pela atual gestão, sabe quanto foi aplicado efetivamente desses recursos? NADA!

O site do Portal da Transparência mostra que dos dois milhões adquiridos em convênios, o prefeito só conseguiu liberar até agora, R$ 121.875,00 que corresponde a uma parcela para reforma e ampliação do Estádio Freirão. Ou seja, ainda vai ser aplicado esse dinheiro, pois a obra nem começou, apesar desse dinheiro ter sido liberado desde o dia 17 de janeiro.

Ah, mas Maristela conseguiu esses recursos e não terminou as obras, podem dizer alguns. O povo julgou nas urnas o que Maristela fez de errado e se houver irregularidades nas obras, é a justiça que fará. O que não pode é querer se apegar a erros passados para justificar uma paralisia instalada nessa administração.

É preciso mostrar a realidade de como o prefeito trabalha, ou não trabalha. É preciso que Upanema saiba que o prefeito bate nos peitos e diz no seu programa que Upanema nunca teve um escritório em Brasília para adquirir recursos para o município. Pois eu digo ao senhor prefeito que nem Jorge, nem Maristela tinha escritório pago pela PMU e estão dando de capote na captação de recursos para o município.

É preciso dizer ao prefeito que não concordamos com o modus operandi de fazer política dele, pois se tem alguém ganhando alguma coisa, só não é o município.

Hoje pagamos caro por um erro. Mas, ainda dar tempo do prefeito se recuperar. Quando digo que sou o maior aliado dele, vocês riem e duvidam. Mas, veja quem da atual administração fez um levantamento desses? Veja quem tem coragem para dizer ao prefeito que seus candidatos são mais fracos que caldo de biloca e que o barco dessa administração tá afundando? Só tem eu! E faço isso de graça, sem nenhuma intenção de dividendos eleitorais, pois nem filiado sou. Eu quero ver esse grupo fora da PMU por falta de competência, mas até lá, é preciso dar um puxão de orelha pra ver se eles não deixam Upanema pior do que tá. O problema é que além de mim, outros (e bote outros nisso) que votaram no prefeito, também estão por aqui com essa administração. Aí já não posso ajudar o prefeito, né!

Desde já, queria agradecer a leitura diária do nosso blog, ao prefeito e seus aliados. Um abraço. Valeu.


24 de fevereiro de 2015

Só pra lembrar

Ei menino!

Avise aí a quem tiver culpa, que Upanema está no CAUC desde antes do carnaval.

Não resolveram ainda.

Upanema Futebol Clube depende da PMU para participar de qualquer campeonato

Em conversa com atletas e com a direção do Upanema Futebol Clube, fica claro a preocupação de todos com a temporada 2015. Já estamos nos aproximando do mês de março e as reformas do estádio Freirão ainda não começaram. Convites e o planejamento para a temporada já está sendo traçado, mas as condições do estádio impedem que o clube aceite qualquer convite.

"Estamos com um planejamento, mas tudo vai depender da prefeitura e as reformas no estádio, para podermos colocar em prática" explicou Onildo Bezerra, presidente do UFC.

A preocupação aumenta, pois as informações são de que a intenção da prefeitura é inaugurar as reformas do estádio na festa de emancipação política do município, em setembro. Com um mês de adaptação e preparação, resta apenas 2 ou 3 meses do ano para o time disputar algum campeonato.

"Estamos preocupados com a possibilidade de perdermos o ano. Quanto mais tempo demorar, mais difícil vai ser para os atletas e o clube", afirmou Onildo.

23 de fevereiro de 2015

O prefeito e suas verdades

O problema da falta de energia nas 54 casas populares de Upanema, que já dura três anos, começou a tomar outros rumos após a “invasão” que ocorreu ontem. Ontem, foi uma família, agora já passam de quatro e a tendência é aumentar. Diante do quadro, o prefeito Luiz Jairo, apressou-se em publicar em uma rede social, que não tinha culpa pela falta de energia nas casas. Que estava com a verdade. Veja o que ele disse:



Sem dúvida prefeito, o senhor estar com SUA VERDADE! Agora sua verdade tá errada prefeito. O senhor disse que ligou pra empresa SENEL e falou com o senhor Lúcio na frente de todas as contempladas. Eu acredito! Agora eu pergunto: pra quê o senhor ligou pra SENEL? Meu prefeito, meu querido prefeito, a SENEL não tem nada com esse processo de instalação de energia dessas casas. A empresa que vai instalar a energia aqui é a B&Q, conforme segue a ordem de serviço Nº 0327092, que nos foi informado pelo vereador Aisamaque Dályton. Pra certificar que é realmente a empresa que vai executar a obra, pedimos e fomos atendidos de forma sempre gentil, pelo nosso amigo Gerinaldo. Ele foi na empresa B&Q para saber como anda o processo. Lá, informaram que até sexta-feira dessa semana estão aguardando a chegada do material, que estar previsto ser enviado pela COSERN. “Assim que chegar o material, daremos prioridade a essas casas de Upanema, Gerinaldo”, afirmou o representante da empresa.

Eu fico aqui a me imaginar como Upanema está sendo bem administrada. Eu, dentro de uma rede, com duas ligações sei de mais coisa que o prefeito a respeito desse caso.

Por isso que eu digo meus amigos, o prefeito tem responsabilidade sim nesse caso. São três anos, não são três dias nem três meses. Jorge Luiz fez 800 casas em Upanema e não vimos esse tipo de problema acontecer. Aí, em três anos o prefeito não consegue entregar uma casa que foi construída com recursos deixados pela administração passada? É muita fraqueza! O que falta é competência, força de vontade e força política para o prefeito. Querer botar culpa na COSERN é tentar tirar a responsabilidade de quem teve TRÊS ANOS para resolver o problema e agora se ver aperreado.

Ao invés de tá publicando desculpas nas redes sociais, eu sugiro ao prefeito que vá pessoalmente lá nas casas ver o que os moradores estão precisando, o que estão sentindo, como fizeram os vereadores Canindé Rocha, Gineton Costa, Aisamaque Dályton e o blogueiro Silva Jr. Faça alguma coisa prefeito, o povo votou no senhor pra mostrar ação, não é pra ficar dando desculpa em redes sociais não!


22 de fevereiro de 2015

Sem ter para onde ir, cidadão busca abrigo em casa que foi contemplado, mas ainda não foi entregue

A reportagem do Blog do Anax foi procurada por um contemplado de uma das 40 casas que eram para ter sido entregues pela atual administração há quase três anos. Muito nervoso, o contemplado nos explicou que foi despejado da casa onde morava de aluguel, em virtude do atraso no pagamento do mesmo e não tinha para onde ir.

Quando soube, segundo ele, que tinham arrombado a fechadura de sua casa no conjunto habitacional não entregue ainda pela PMU, o morador disse que não tinha outra opção. “Eu vou ficar no meio do tempo, na chuva, tendo um teto para morar?!”, indagou o morador.

Ele também disse não entender como é que antigamente as casas eram entregues todas com água e luz e hoje não acontece isso.

Nossa reportagem foi ao local e constatamos que a Polícia Militar e a Guarda Municipal estavam no local. O Sargento Jucelino chegou e entrou na residência para conversar com a esposa do contemplado, que não se encontrava na hora. Não sabemos o resultado nem a intenção da Polícia no caso.


Analisando de forma fria a questão, é preciso muita calma nessa hora. Tenho um prato cheio para descer o cacete na atual administração. Mas, como já demonstrei aqui várias vezes, prefiro a solução de problemas que envolvam famílias e pessoas mais humildes. O morador tomou tal atitude não foi por politicagem, até porque o mesmo é eleitor do prefeito, nem por baderna ou coisa parecida. O desespero leva a gente a fazer coisas que para muitos não tem explicação. Temos que nos transportar para a pele desse cidadão e tentar ajudá-lo. O momento é de solução do problema. Só isso!